.

30.12.06

A monarquia e sua ultima festa.

Foi uma mesa que deixaria o planalto, com inveja.
Foi no histórico "Baile da Ilha Fiscal", a última festa do Brasil - Império. Teve como pretexto uma homenagem do visconde de Ouro-Preto, presidente do Conselho de Ministros, aos trezentos tripulantes do cruzador chileno Almirante Cochran, atracado no Rio de Janeiro.
No dia 9 de Novembro de 1889, os 4500 convidados. Jantar preparado por noventa cozinheiros e servido por 150 garçons: dezoito pavões, quinhentos perus, 64 faisões, oitenta quilos de camarão, trezentas peças de presunto, 1300 frangos, 1200 latas de aspargos, oitocentas de trufas, 12 mil sorvetes e quinhentos pratos de doces variados.
10 mil litros de cerveja e 258 caixas de champagne e vinho.
Veja a lista de objetos encontrados no salão na manhã seguinte: treze lenços de seda, nove de linho e quinze de cambraia, dezesseis chapéus e dezessete ligas, entre outras coisas.
A Monarquia terminou seis dias depois.

Em 1991, no governo Collor, o Palácio do Planalto consumiu 2,4 toneladas de camarões.

O que é o caviar?

O caviar é feito de ovas salgadas de esturjão, o maior peixe de água doce do mundo. Elas precisam ser retiradas do peixe ainda vivo no prazo máximo de quinze minutos para depois serem peneiradas, lavadas e secas. O prato nasceu na Rússia nas cortes dos czares Ivan IV ( Ivan, o Terrível), Nicolau I e Nicolau II.


Comendo com pauzinhos

Na China da dinastia Shang ( 1766 a 1122 a.C.), levar à mesa um peixe ou um frango inteiro era considerado um ato bárbaro. Costumava-se comer com as mãos e cortar os alimentos com a mesma faca que se usava para matar os inimigos. Além disso, os chineses julgavam falta de educação obrigar um convidado a qualquer esforço durante as refeições. O problema foi resolvido com a invenção de um novo utensílio: os pauzinhos, que permitiam servir a comida em pequenos pedaços.
Ali, na China, os pauzinhos receberam o nome de kuai-tzu. No Japão, são conhecidos como hashi.

Pesquisa feita no guia dos curiosos.

Dora Dimolitsas

6 Comentários:

  • Interessante apesquisa, para contrastar com peru e outras iguarias desse fim de ano...

    Por Blogger solfirmino, às 6:24 PM  

  • Dora você é mesmo mestre em todo seu trabalho sabe.Amiga
    o jornal é que saira ganhando.
    Parabéns
    beijos da Ritinha

    Por Anonymous Anônimo, às 3:34 AM  

  • Acredito que
    seu trabalho será muito produtivo
    e tenha certeza,todos nos seus amigos estaremos te apoiando
    Beijos Charles escrevo no anonimo por que é mais simples

    Por Anonymous Anônimo, às 4:27 AM  

  • Amei o Blogs,vou te ajudar na minha coluna.Ok!
    Abraços amiga e um ano de sucesso.
    Vamos fazer o livro que fala sobre a Família Carvalho.E depois vou publicar nos principais jornais do Brasil.Conte comigo.

    Por Anonymous Emanuel Carvalho, às 8:25 PM  

  • [navy][b] BOA TARDE QUERIDA DORA!
    Escrever é uma ARTE e
    você amiga... É uma artista.
    Vá em frente que vc é
    Poderosa!
    Bjossss e muito sucesso.
    Olguinha.

    Por Anonymous Olguinha., às 2:16 PM  

  • Oi Doroty!!!
    Você , realmente é uma pessoa mto especial e amei conhecer um pouco mais sobre vc. Mto importante o trabalho q desenvolve, eu trabalho na área social, mas tbém sou uma defensora ferrenha pelas causas ambientais, meu marido é especialista em meio ambiente, e o acompanho sempre q posso em congressos e seminarios e aprendi mto com isso, principalmente no q diz a respeito a rodovias pq ele é Engenheiro Civil e trabalha com meio ambiente e rodovias.
    Mas meu mundo de atuação tbém procuro fazer o melhor por ser humano, pois trabalho com crianças e adolescentes, já trabalhei desde os carentes , especias , abando nados e atualmente com os q cometeram atos infracionais( robos estrupos assassinatos, em fim o q essa sociedade os proporcionou e q hj nõa tá facil mudar seus destinos , mas tbém acredito q não imçossivel.
    Bem q bom te conhecer. te admiro mto.
    Beijos
    Lu

    Por Anonymous maria de lourdes, às 12:12 PM  

Postar um comentário

<< Home