.

27.9.07

CONGRESSO DE POESIA


FONTE DO PURO VINHO

ABERTURA SOLENIDADE NA PREFEITURAPOETAS NO SALÃO DE LANÇAMENTO:
DORA DIMOLITSAS, SONINHA PORTO,CHRISTINA HERMANN,LU DE OLIVEIRA
DORA DIMOLITSAS, E O ADMINISTRADOR DO CONGRESSO ANTONIO BACCA.E O LAÇAMENTO DA ANTOLOGIA POESIAS DO BRASIL

DORA DIMOLITSAS E CHRISTINA HERMANN
E O LANÇAMENTO DAS ANTOLOGIAS POETAS DO CAFÉ, E PÁSSAROS POETAS

ABERTURA SOLENIDADE NA PREFEITURA


Bento Gonçalves realiza mais uma edição

do Congresso Brasileiro de Poesia

De 1 a 6 de outubro, a cidade de Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha, volta a se transformar na capital brasileira de poesia, com a realização da décima-quinta edição do maior encontro de poetas de todo o país. Além de reunir poetas de quase todos os estados brasileiros, o evento recebe também expressiva participação de representantes estrangeiros.

A partir desta quinta-feira a cidade começa a viver o clima do evento quando será dado início ao projeto “Poesia na Vidraça”, no qual os comerciantes do centro da cidade aderem ao Congresso Brasileiro de Poesia cedendo suas vitrines para que nelas sejam inscritos poemas dos poetas que estarão na cidade a partir do dia primeiro, e também de poetas homenageados.

Criado em 1990, o evento chega a sua décima-quinta edição com o reconhecimento do meio poético brasileiro e latino-americano pela qualidade dos projetos que engloba em sua programação, onde desponta principalmente aquele que leva poetas para dentro das escolas para interagirem com os estudantes, seja através de palestras ou recitais.

Normalmente são quatro eventos dentro de um, pois junto com o Congresso Brasileiro de Poesia também acontecem o Encontro Latino-americano de Casas de Poetas e a Mostra Internacional de Poesia Visual e o Salão Internacional de Artes Plásticas. A eles, neste ano acrescenta-se mais um, a terceira edição do Congresso Internacional do Proyecto Cultural Sur, que há cada dois anos é realizado em um país diferente. Só este evento trará a Bento Gonçalves aproximadamente trinta poetas, artistas plásticos, músicos e atores teatrais, vindos do Canadá, México, Perú, Republica Dominicana, Equador, Chile, Argentina e Uruguai.

Poesia Visual

A Mostra de Poesia Visual tem como novidade a exposição de trabalhos desenvolvidos por alunos da Escola General Bento Gonçalves da Silva durante a edição do ano passado. Esta iniciativa do poeta Hugo Pontes, maior autoridade do gênero no Brasil e respeitadíssimo no circuito internacional, tem como objetivo valorizar o interesses destes jovens com esta forma de fazer poético, a qual vem ganhando novos adeptos diariamente em nosso país.

Atrações

Diversos recitais e shows estão previstos para os seis dias do evento, muitos dos quais acontecerão dentro das escolas, outros no auditório do SESC e alguns nas dependências da Fundação Casa das Artes.

O destaque principal cabe ao grupo carioca “Poesia Simplesmente”, que trará dois espetáculos a Bento Gonçalves: “Evocação ao Recife: Bandeira, a rosa, a estrela e a canção”, onde prestam uma homenagem a Manuel Bandeira, um dos maiores poetas brasileiros de todos os tempos. Através de textos e poemas do autor, o grupo recria sua trajetória de vida, marcada por angústias e sofrimento, mas também pela capacidade de superação e pela alegria de viver, tendo como pano de fundo a cidade de Recife e suas manifestações culturais.

O segundo espetáculo intitula-se “De Cabral a Dom João, passando por Napoleão”, onde o grupo aproveita as comemorações dos 200 anos da vinda ao Brasil da família real para, em forma de esquetes, abordar poeticamente, de forma crítica e divertida, os principais episódios da história do Brasil, desde o descobrimento até a independência, com ênfase na vinda da corte portuguesa e nas conseqüências práticas para a vida dos habitantes do país naquela época e para a sua influência no desenrolar dos acontecimentos que resultaram na independência do Brasil.

Outro recital de destaque reúne três nomes conhecidos do meio poético alternativo: o carioca Artur Gomes e os mineiros Wilmar Silva e Luis Edmundo Alves, que levarão aos palcos bento-gonçalvenses “AB Sinto a Dois”.

Atrações estrangeiras

Poetas estrangeiros, além de diversos painéis abordando a poesia e a cultura de seus países, também apresentarão recitais e shows, com destaque para o musical “El Tambache de Rolas”, com os mexicanos Francisco Saucedo, Andres Quinteros e Miguel Pineda. Armando Rosas apresentará o musical “Rhythm & Pango”, enquanto a atriz Veronica Contreras Olmedo encenará o monólogo “La mujer Roja”.

Poetas de outros países também apresentarão recitais e shows.

Muitas atrações

A programação do XV Congresso Brasileiro de Poesia apresenta uma programação diversificada, pois além das atividades nas escolas, estão previstas ações poéticas em repartições públicas, na Biblioteca Municipal e no palco armado na Via Del Vino, em frente à prefeitura municipal.

A Árvore dos Povos

É tradição os poetas, todos os anos, no último dia do evento plantarem uma pitangueira – escolhida como a árvore oficial do congresso – em praça pública para registrar a sua passagem pela cidade. Neste ano, a este plantio os organizadores introduziram uma novidade que vem repercutindo de forma extraordinária nos meios poéticos, que é o plantio da árvore dos povos.

Este novo projeto consiste no plantio de uma segunda árvore sendo que a novidade é que o canteiro onde ela será plantada será feito com terra que os poetas trarão de suas cidades e países.

Assim, misturada a terra, com o plantio desta árvore os poetas estarão aprofundando ainda mais seus laços de amizade.

Este plantio se dará na manhã do sábado dia 6, na Praça Achyles Mincarone, no Bairro São Bento.




3 Comentários:

  • Te juro que se eu estiver viva... no próximo ano não perderei o CONGRESSO por nada deste mundo... Já é o segundo ano que participo das Antologias e não vou. Aiiii que vontade de estar aí .... rever voce e conhecer a Chris Herrmann, o Ademir Bacca, a Soninha Porto... Nossa!!! ... que arrependimento de não ter ido... mas, eu não estava muito legal na véspera. Problemas de hormônios... menô...rs... me deixaram muito indisposta mesmo!
    SUCESSO ... SUCESSO SEMPRE PRA VC MINHA AMIGA DOROTY!
    Dê um beijão no Tonho França, que mora em meu coração e no Ademir. Parabenize-o por mim, pela maravilhosa organização do Evento.

    Por Anonymous Verluci Almeida, às 2:56 PM  

  • querida Dora,muito obrigada por compartilhar teus momentos e esta lindeza de Congresso .
    quiçá estarei com vcs. no próx. ano.
    bjs de admiração e carinho, tua virgínia

    Por Blogger além mar peixe voador, às 2:18 AM  

  • Parabenizo a poeta Doroty Dimolitsas, pelo seu ser...Brilhante, Atuante e Guerreira Iluminada em Bento Gonçalves no Congresso Brasileiro de Poesia.
    Saudações do Comendador De Luna Freire

    Por Blogger deluna, às 10:20 PM  

Postar um comentário

<< Home